postado por Paulo Cezar em 22 julho 2011

Fim?



Será mesmo o fim da série que nos emocionou durante vários anos? Será que tudo isso chegou ao seu fim?

A série de livros escritos pela britânica J.K. Rowling encantou, e encanta até hoje, uma multidão de admiradores ao redor do mundo.

A história começou a ganhar forma em uma viagem de trem em 1990. O primeiro volume - Harry Potter e a Pedra Filosofal - foi terminado em 1996 e então começou a "luta" para que o livro fosse publicado. Depois de 8 editoras recusarem o manuscrito, a Bloomsbury finalmente aceitou e no ano seguinte lançou o livro que daria início a uma longa jornada.


Rowling nos presenteou com 7 livros, traduzidos em mais de 67 línguas, mais de 450 milhões de exemplares vendidos. Também não podemos esquecer dos jogos e filmes que foram feitos inspirados nos livros:

Harry Potter e a Pedra Filosofal
Harry Potter e a Câmara Secreta
Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban
Harry Potter e o Cálice de Fogo
Harry Potter e a Ordem da Fênix
Harry Potter e o Enigma do Príncipe
Harry Potter e as Relíquias da Morte

Além desses 7 livros tivemos a honra de ganhar mais três: Quadribol Através dos Séculos, Animais Fantásticos e Onde Habitam e Os Contos de Beedle, o Bardo.

Por falar em filmes, a Warner Bros. fez a felicidade de todos os fãs da série criada por J.K. Em 2000, depois de milhares de audições realizadas foram escolhidos três jovens desconhecidos - Daniel Radicliffe, Emma Watson e Rupert Grint - que acabaram encontrando um lugar reservado no coração de todos os ansisos pelos filmes.


A Warner nos surpreendeu com a notícia de que o último filme - Harry Potter e as Relíquias da Morte - seria dividido em duas partes - 2010 e 2011. Muitos fãs começaram uma discussão tentando entender qual era o real motivo dessa escolha. Alguns chegaram a pensar que a produtora não queria perder a chance de faturar mais um pouco com essa gigantesca franquia, outros, já pensaram que era mesmo necessário por ser um livro tão rico em grandes detalhes, desfechos importantes.
E não deu outra, realmente a Warner faturou milhões com essa divisão dos filmes mas, sem essa divisão não teriamos uma Parte 2 tão emocionante e surpreendente. O último filme supera qualquer expectativa. Muitos choraram, em algumas cenas nós rimos. Ver o campo de quadribol em chamas entristece qualquer um que acompanhou a série.

Será mesmo esse o fim?

Eu acho que não. Harry Potter, Ronald Weasley e Hermione Granger sempre estarão com seus fãs, temos motivos de sobra para nos lembrarmos deles. Não só deles mas de tudo - professores, alunos, criaturas, feitiços - que nos faz lembrar da nossa adorável Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts.

Afinal de contas, nós crescemos com eles.



Hogwarts viverá para sempre em nossos corações.


2 comentários:

  1. O Universo Harry Potter é o mais encantador dentro da literatura. As pessoas, os lugares, as criaturas maravilhosas e misteriosas... Vamos sentir tanta falta desse mundo... HP é o ícone de uma geração, decidido, corajoso, inteligente... ele salvou um mundo inteiro sendo decidido e mantendos os amigos por perto.
    Vou sentir mesmo muita, muita falta.
    Bj

    ResponderExcluir
  2. Eu também Mariska, imensas saudades que HP vai deixar. Mesmo não tendo uma nova história podemos sempre nos aventurarmos nos livros e nos filmes novamente. E agora com o Pottermore, HP poderá sim continuar unindo milhares de fãs.

    ResponderExcluir