postado por Paulo Cezar em 15 novembro 2011

Hunter Parceiro #21 + Hunter Conversa #1 - Carolina Munhóz

Olá Hunters.
Hoje iremos conhecer mais uma autora parceira do blog e também conferir uma entrevista que o blog fez com ela.


Carolina Munhóz é jornalista e romancista, além de integrante do Potterish, um dos maiores sites de Harry Potter do mundo e do RapaduraCast do site Cinema com Rapadura. Foi eleita como a melhor escritora jovem de 2011 pelo Prêmio Jovem Brasileiro.
Aos 11 anos aguardou sua carta para Hogwarts, mas ela nunca chegou. A partir dos 18 se aventurou por diversos países como Inglaterra, França, Itália, Suíça, e EUA, onde teve a oportunidade de conhecer os atores de Harry Potter.
Suas aventuras chamaram a atenção de meios de comunicação como Folha de São Paulo, Estadão, TVCultura e Disney Channel. Foi destaque da Revista Época, ao lado das escritoras Cassandra Clare e Alexandra Adornetto, e da rádio Record de Londres.
Atualmente é escritora em tempo integral e viciada em redes sociais. Jura já ter visto fadas e para acabar com a dúvida pretende continuar a escrever sobre elas.


Confira a entrevista.


1 – Como “nasceu” a escritora Carolina Munhóz ?
A escritora Carolina Munhóz nasceu com o interesse pela literatura. Com onze anos, uma amiga minha fez uma aposta. Ela amiga duvidou que eu conseguisse ler Harry Potter e a Pedra Filosofal em uma semana e eu topei. No final já tinha lido até o Cálice de Fogo e estava completamente viciada pela série. Depois disso comecei a ler muito e a escrever fanfics e elas me deixaram com vontade de criar algo a mais. Com isso surgiu a ideia principal de A Fada em um sonho.

2 – A Fada é seu primeiro livro. Qual foi sua inspiração para criar a história de Melanie? Seria um mundo ao qual você gostaria de pertencer?
Meu dia a dia e as pessoas ao meu redor. Adoro pegar algo que está acontecendo comigo e o transformar em uma cena mágica. Eu gostaria de pertencer ao mundo de Fairyland, mas vejo que os problemas e situações são bem parecidos com os meus. Até porque passo esses pontos para o livro.

3 – Como foi a escrita do livro? Nos conte como foi o processo desde a inspiração até a finalização da história.
Comecei a escrever com dezesseis anos, após uma depressão. O processo até que foi fácil, pois não havia pressão naquela época. Escrevia por diversão. Não imaginava que iria se tornar uma carreira. O processo do livro demorou nove meses e foram longos dias me dedicando a ele.

4 – Depois de escrever um livro começa uma nova tarefa para o autor, a busca pela editora. Como foi essa busca para o livro A Fada?
Terminei A Fada em 2006 e só fui fechar meu primeiro contrato no fim de 2008. Achar uma editora no Brasil é uma tarefa bem complicada. Quando pude publicar em 2009, percebi que ser um escritor não era apenas escrever e lançar. Existe muito mais do que isso. Então é uma trajetória que só sobrevive os que realmente querem. Agora em 2011 finalmente fechei e publiquei ele por uma grande editora e estou muito feliz com a Novo Século.

5 – Pode nos contar um pouco sobre a história de seu livro?
O livro conta a história de uma menina chamada Melanie Aine das Fadas, uma garota de dezoito anos que descobre, que é princesa de outra dimensão. Essa dimensão é Fairyland, o mundo das Fadas. Ela tem uma missão em Londres para cumprir antes poder ingressar na dimensão. Nesse momento, ela conhece um rapaz misterioso, de uma família bruxa, e eles acabam se envolvendo. É um livro de romance, aventura, muita ação e ficção. É para todas as idades e tanto homens quanto para mulheres.

Sinopse:Alguns jovens ganham presentes caros, passagens aéreas ou festas surpresas em seus aniversários de 18 anos. Melanie Aine ganhou o falecimento do pai, uma estranha tatuagem e a descoberta de que não era um ser humano.
Como se tudo isso não fosse suficiente, Melanie ainda descobriu por detrás da enevoada e mística cidade de Londres um mundo fantástico que até poderia ignorar, se não descobrisse ser parte importante dele. Um legado que traz com ele diversas tragédias e problemas pessoais que ela não espera se adaptar, mas não sabe se terá opção.
A única parte recompensadora parece ser seu encontro com um homem misterioso, oriundo de uma família bruxa poderosa, cuja relação caminha em uma linha bamba e tênue que separa afeto e fúria.
Um afeto que pode levá-la à transcendência e à vida eterna.
Uma fúria que pode conduzi-la à morte e ao esquecimento.
Dentre muitos feitiços, lutas, criaturas mágicas e eventos sobrenaturais, “A Fada” é uma história de descobertas e superações, sobre como o amor pode fazer várias pessoas redescobrirem a vida e a magia nela.

6 – Mudando um pouco de assunto, você recentemente participou de uma noite de autógrafos juntamente com Eduardo Spohr e Raphael Draccon. Para você qual a importância principal desses eventos?
Pois é! Foi uma noite maravilhosa e ainda na minha cidade, pois vivi quase minha vida toda em Campinas. Eventos literários são super importantes, pois levamos cultura para outras pessoas. São bate papos maravilhosos e uma troca de energia incrível. Adoro palestrar. Me lembro de no ano passado (2010) conhecer o Eduardo em uma palestra na mesma livraria e é incrível como minha vida mudou em um ano.




7 – Atualmente muitos jovens estão escrevendo um livro ou até mesmo em busca de uma editora. Qual seu recado para eles?
Nunca desista de seus sonhos. Se isso é o que realmente deseja para sua vida: Sente o bumbum na cadeira e escreva. Não existe melhor conselho. Se você não escreve, não tem um livro, então não é um escritor.

8 – Para finalizar, deixe uma mensagem para os leitores do blog.
Muito obrigada por abrir esse espaço para meu livro e para a literatura nacional. É um gesto muito nobre e agradeço pela oportunidade. Adorei conversar com vocês. Quem quiser conhecer um pouco mais da minha carreira é só acessarwww.carolinamunhoz.com. Para falar comigo é só mandar um email para carolina@carolinamunhoz.com ou me achar no facebook e twitter (@carolinamunhoz). Obrigada e que as fadas iluminem a todos!


Clique na imagem para comprar o livro


É isso aí Hunters. Não esqueçam de deixar seu comentário/recado hein. Vou sortear um kit de marcadores entre todos que comentarem nesse post.



5 comentários:

  1. Que livro deve ser esse da Carol, a entrevista foi mara adorei poder conhecer um pouco mais sobre ela e o livro dela!

    ResponderExcluir
  2. Nossa que legal!!! Adorei a entrevista e o livro deve ser mto bom.. :)

    ResponderExcluir
  3. Adorei a entrevista da Carolina..
    Ainda não conheçia o livro 'A Fada' mais não tenho duvida que é um otimo livro.

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia a autora. Gostei da entrevista; E Fada parece ser legal :)

    ResponderExcluir
  5. Já li esse livro, é mto bom.

    ResponderExcluir