postado por Funs Hunter em 23 março 2013

Resenha | O Lorde Supremo


Exemplar cedido pela Editora Novo Conceito - A resenha pode conter spoilers dos livros anteriores



Autora: Trudi Canavan
Editora: Novo Conceito
Páginas: 624
Skoob: Adicione
Compre: Encontre o melhor preço.
Avaliação: 

Sinopse: Na cidade de Imardin, onde aqueles que têm magia têm poder, uma jovem garota de rua, adotada pelo Clã dos Magos, se encontra no centro de uma terrível trama que pode destruir o mundo todo. Sonea aprendeu muito no Clã, e os outros aprendizes agora a tratam com um respeito relutante.
No entanto, ela não pode esquecer o que viu na sala subterrânea do Lorde Supremo, ou seu aviso de que o antigo inimigo do reino está crescendo em poder novamente. Conforme Sonea evolui no aprendizado, começa a duvidar da palavra do mestre de seu clã. Poderia a verdade ser tão aterrorizante quanto Akkarin afirma? Ou ele está tentando enganá-la para que Sonea o ajude em algum terrível esquema sombrio?



Os acontecimentos em O Lorde Supremo começam um ano após Sonea ter vencido a batalha contra Regin na arena. Sonea mostrou a todos os magos o quão forte ela é, conquistou o respeito entre os aprendizes e ninguém a atormenta mais.
Mas a jovem ainda precisa conviver com o Lorde Supremo Akkarin. Ele se tornou o novo guardião dela depois de descobrir que Rothen, Lorlen e ela sabiam o seu maior segredo: Akkarin pratica magia negra.
Muitas coisas precisam ser respondidas nesse último volume, o final de A Aprendiz é capaz de deixar qualquer um cheio de dúvidas e pensamentos em o que poderia acontecer. 
O que acontecerá com Sonea e o Lorde Supremo? Essa pergunta pode ter mexido com a cabeça de muitos leitores e Canavan, no volume final da trilogia, nos responde essa e muitas outras dúvidas.

Neste volume, conhecemos a verdadeira história de Akkarin, o verdadeiro motivo dele utilizar magia negra. Não foi nada do que imaginei, a autora tomou um rumo totalmente inesperado. Sonea compreendeu os verdadeiros motivos da utilização de magia proibida nas terras do Clã.
Nesse ponto já comecei com algumas especulações sobre o que iria encontrar nas próximas páginas, alguns acontecimentos podem ser previsíveis, mas outros são completamente fantásticos e inusitados.

É visível o crescimento/amadurecimento dos personagens e da escrita de Trudi Canavan. Sonea está mais forte do que antes, se tornou mais responsável e confiante. Sabe muito bem o que quer! Os diálogos estão melhor escritos...

A leitura flui bem, em nenhum momento temos a sensação de cansaço, mas muitas vezes me vi desesperado exagerado ¬¬ por estar lendo acontecimentos que não envolviam Sonea ou Akkarin. O destaque de Dannyl e Tayend foi maior nesse livro e alguns acontecimentos foram desnecessários. Não que a autora tenha enrolado com a história, mas o foco poderia ter ficado apenas em Sonea e o Clã.
A autora também tentou criar um clima mais romântico entre dois personagens. No início até que gostei, mas em algumas partes ficou totalmente confuso, não sabia mais o que estava acontecendo e tive que reler algumas passagens para entender melhor.

Esse foi um livro que mesmo não querendo parar de ler, tive que me segurar para assimilar bem o que estava acontecendo e não acabar logo a leitura, afinal é o último livro.
A diagramação é igual aos demais livros da trilogia, a capa faz referência a um mago do Clã, que achei fora do contexto da história. Essa túnica poderia ter sido do primeiro livro.


Achei o livro muito bom, foi um desfecho digno para essa trilogia! Mesmo a autora tendo "assassinado"  um personagem importante da história (essa foi uma grande surpresa do livro, absolutamente inesperado), valeu a pena não desanimar e continuar a leitura de O Clã dos Magos.
Espero que vocês também possam curtir essa história!




Quer concorrer a um exemplar do livro? Saiba como clicando no banner abaixo!








9 comentários:

  1. Já disse que quero muito essa trilogia? Já, já disse. Várias vezes.
    E fico ainda mais animada por saber que o final da saga é bom, só uma pena a autora ter enrolado em alguns momentos..
    Espero ganhá-lo no Top Comentarista ^.^

    ResponderExcluir
  2. Ai eu ainda não comecei a ler essa trilogia, não tenho nem o primeiro livro ;(
    Mas eu adoro fantasia, então os livros desse gênero sempre me conquistam totalmente.
    Adorei a resenha *-*

    ResponderExcluir
  3. já conhecia a trilogia, mas não li nenhum livro ainda, pretendo ler um dia c:
    todos parecem ser interessantes, e estou participando do top e torcendo muuuito :)

    ResponderExcluir
  4. AI sério que alguém importante morre?! =O. Paulo já imaginava que ia rolar mais clima de romance no fim <3. Awnnnn quero ler! Ah que bom que vão contar mais um pouco da história do Akkarin. Tô super empolgada para O lorde supremo!
    bjs

    ResponderExcluir
  5. já disse uma vez e repito,preciso já comprar essa trilogia!! achei legal que nos desfecho da série,a autora amadureceu os personagens,mas as vezes é preciso dar destaque a alguns personagens,antes de ir direto ao ponto,acho que muitos autores fazem isso pra segurar um pouco a tensão do livro.rsrs pela resenha,deu pra perceber que a autora surpreendeu em alguns momentos,bom saber! quero muito conhecer a história de Sonea e o resto dos magos =)

    ResponderExcluir
  6. Thielen Borba da Costa30 de março de 2013 17:11

    Preciso muito dessa trilogia. Adoro muito fantasia, magos e magia. *-* Não veja a hora de ter os meus exemplares e aproveitar a leitura! Que que a trilogia ganhou um desfecho digno. É tão triste acompanharmos uma série que gostamos muito e o final não nos agrada. :/

    ResponderExcluir
  7. Que bom que a autora encerrou a trilogia com chave de ouro. E o melhor de tudo é saber que ela surpreendeu nesse desfecho. Depois dessa resenha, minha curiosidade em ler a trilogia aumentou em 100%. Quero muitoooo!!!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  8. Ainda não começei a trilogia, mas é um fato que preciso ler geralmente não leio livros de fantasias, mas já li diversas resenhas todas positivas, o que mais gostei da resenha foi o fato de ser citado, como uma leitura fluente, pois é chato quando uma série fica cansativa, participando do top.

    ResponderExcluir
  9. Eu estou me sentindo uma calamidade pública. São tantas as séries e os livros parecem tão bons, só que ainda não consegui ler nenhuma delas, por inteiro, fica sempre faltando e isso me deixa muito irritada. Essa série é uma delas. Quero muito ler, já li diversas resenhas sobre esse e os outros livros e isso só aumenta o meu desejo.
    Maristela G Rezende

    ResponderExcluir