postado por Funs Hunter em 12 setembro 2013

Resenha | A Livraria 24 Horas do Mr. Penumbra

Autor: Robin Sloan
Editora: Novo Conceito
Páginas: 288
Skoob: Adicione
Compre: Encontre o melhor preço

Sinopse: A recessão econômica obriga Clay Jannon, um web-designer desempregado, a aceitar trabalho em uma livraria 24 horas. A livraria do Mr. Penumbra — um homenzinho estranho com cara de gnomo. 

Tão singular quanto seu proprietário é a livraria onde só um pequeno grupo de clientes aparece. E sempre que aparece é para se enfurnar, junto do proprietário, nos cantos mais obscuros da loja, e apreciar um misterioso conjunto de livros a que Clay Jannon foi proibido de ler. 

Mas Jannon é curioso...



Seitas secretas, livros e tecnologia. Uma mistura interessante ao meu ver.

Robin Sloan  mesclou os conhecimentos tecnológicos que possui com uma boa história de leitores fascinados e esquisitos, finalizando num  livro que vai agradar muitos leitores.

A história do livro se passa durante a recessão econômica enfrentada há alguns anos atrás, onde muitos perderam seu emprego. Clay Jannon é um desses desempregados.
De forma bem explicada, Jannon nos conta como entrou em um mistério envolvendo o seu novo emprego, uma livraria que nunca fecha. Nessa livraria, ele é responsável pelo turno da noite onde, desde o início, percebe o quanto é misterioso aquele lugar. Além de uma variedade muito diferente de livros, existem frequentadores estranhos e com objetivos de leitura muito suspeitos.

Conforme o protagonista se lança nos mistérios envolvendo os livros, ele adentra em uma seita de leitores que buscam decifrar o mais raro de seus livros e encontrar o segredo que há muito tempo cerca a humanidade.
Para chegar a resposta tão procurada por séculos , ele utiliza a ajuda de alguns amigos, entre os principais deles, um ricaço fã de RPG e uma garota sonhadora que trabalha no Google.
O Google por sua vez, com toda tecnologia que possui, se torna a última esperança de decifrarem o codex vitae, que trás a resposta tão aguardada.

Nesse ponto, o autor, ao menos é o que parece, mostra ser um grande admirador do Google e daqueles que lá trabalham, pois em muitos momentos, descreve-os como verdadeiros “mutantes” , vista a inteligência dos mesmos. Confesso que, apaixonado por tecnologia, sonhei com a possibilidade de ver de perto, os “brinquedinhos” que ele diz que o Google possui.

Em vários momentos, principalmente quando as páginas estão acabando, representa que o segredo nunca vai ser revelado, mesmo estando tão debaixo do nariz de todo mundo. Claro que o leitor só vai perceber sua simplicidade e ao mesmo tempo brilhantismo, ao finalizar sua leitura.

O enredo todo é bem interessante. Uma mistura de tecnologia e segredos, regado a uma bela coletânea de livros raros. Contudo, os personagens não são daqueles mais surpreendentes e inesquecíveis.
Ao pegar o livro pela primeira vez, não achei a capa tão interessante. Achei bem simples na verdade! Porém, ela é muito boa para te ajudar a compreender alguns  detalhes de como é a livraria misteriosa. 
Os capítulos não são extensos demais e as letras possuem um bom tamanho, tornando a leitura rápida e não cansativa.

Criei inúmeras possibilidades para o segredo buscado pelos personagens. Todas longe de acertar. Acho que “viajo” demais, e as vezes esqueço de humanizar as coisas.


Boa leitura a todos!






Top Comentarista
Se ainda não está participando, faça sua inscrição AQUI através do aplicativo e leia as regras para não ser desclassificado!








7 comentários:

  1. Fui convencida a ler este livro faz pouco tempo. Mesmo com todo mundo falando bem dele, acho que estava presa a algum preconceito besta.
    Mas agora consigo ver que esta história é extremamente inteligente, além de divertida e envolvente. O autor deve ser bom mesmo, para conseguir "esconder" algo debaixo do nariz do leitor. rs
    Espero ler um dia!
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Confesso também que não fiquei atraída pela capa, mas muito pela história. Que mescla Código da Vinci com tecnologia. Fiquei curiosa para descobrir o segredo ainda mais com as suas diquinhas. Quero ler.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  3. logo quando vi o lançamento desse livro, não fiquei tão ansiosa por ele
    como pensei que ficaria. achei a sinopse fraquinha, não me despertou
    empatia. a capa é legal e condiz com o que livro propõe. acho que vou
    deixar pra conhecer o Mr. Penunbra depois. rs

    ResponderExcluir
  4. Sem dúvida é um livro diferente do que temos visto ultimamente e isso sem dúvida me agradou muito.
    Realmente é interessante desvendar os mistérios que vão se apresentando pelo caminho.

    ResponderExcluir
  5. Desde que li o nome desse livro me interessei, pois ele é bem diferente. Gostei bastante desse enredo, e esse toque de mistério em relação à Livraria, o dono e tudo o mais, só dá um up a mais na trama. Desde o lançamento que tenho vontade de lê-lo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  6. Confesso que antes não sentia vontade de ler esse livro, mas com o tempo fui lendo resenhas que me despertaram interesse, o livro parece ser bem interessante e só para deixar claro, quem não ia ler o livro que não era para ler, poxa duvido todo mundo fica curioso não tem como

    ResponderExcluir
  7. Desde que esse livro foi lançado que estou louca para lê-lo. Amo histórias de conspiração e ainda se envolver um livraria, aí é tudo de bom. E o nome já é atraente e ainda ficou com uma capa maravilhosa!

    ResponderExcluir