postado por Funs Hunter em 16 abril 2015

Resenha | O Rei Demônio

Autora: Cinda Willians Chima
Editora: SUMA de Letras
Páginas: 384
Skoob
Compre

Sinopse: O jovem ladrão reformado Han Alister é capaz de quase qualquer coisa para garantir o sustento da mãe e da irmã, Mari. Ironicamente, a única coisa valiosa que ele possui não pode ser vendida: largos braceletes de prata, marcados com runas, adornam seus pulsos desde que nasceu. São claramente enfeitiçados — cresceram conforme ele crescia, e o rapaz nunca conseguiu tirá-los.
Enquanto isso, Raissa ana’Marianna, princesa herdeira de Torres, enfrenta suas próprias batalhas. Ela poderá se casar ao completar 16 anos, mas ela não está muito interessada em trocar essa liberdade por aulas de etiqueta e bailes esnobes. Almeja ser mais que um enfeite, ela aspira ser como Hanalea, a lendária rainha guerreira que matou o Rei Demônio e salvou o mundo. 
Em O Rei Demônio, primeiro de quatro livros, os Sete Reinos tremerão quando as vidas de Han e Raissa colidirem nesta série emocionante da autora Cinda Williams Chima.



Sabe quando você encontra um livro que tem o que você adora numa história?  Magia, personagens cativantes, reinos interessantes , mistérios, entre outras. Bom! Eis o que encontrei nesse livro e por isso, na minha opinião, é uma ótima opção de leitura.

Mais do que possuir elementos que me agradam, a autora foi muito feliz ao escrevê-lo. É muito bom quando encontramos um livro que nos prenda e nos faça querer cada vez mais chegar ao seu desfecho.
Este é o primeiro livro da série “Os sete reinos”. Nele o leitor irá adentrar nos mistérios e acontecimentos que cercam a vida dos principais personagens da história. Nesse primeiro livro, o jovem Han Alister e a jovem princesa Raissa.
Han Alister é um jovem destemido e ousado. Por muito tempo fora líder da gangue dos trapilhos, porém nos dias em que a história desenrola, não faz mais nada fora da lei. Porém a fama adquirida por ele ainda é viva na mente dos moradores de Fellsmarch. Ele leva uma vida difícil com sua mãe e irmã, esta última, a razão por ter deixado as ruas. Conforme a história desenrola, vamos percebendo que o passado de Han é um mistério que ainda trará muitas páginas para essa aventura.
Apesar da situação difícil, havia alguma coisa nele,um tipo de humor e fanfarronice indomados, além de arrogância obstinada que a atraía.Pág. 175


Raissa, por sua vez, é a filha da rainha. Princesa e herdeira do trono, porém alheia ao que ocorre com as pessoas fora dos portões do castelo. Não pensem que ela é má, pelo contrário, seu senso de justiça é muito grande e no decorrer da trama, ao perceber a verdade do que ocorre no reino, se mostrará uma ótima futura princesa.
– Não sei muita coisa sobre isso – admitiu Raissa, constrangida – Quero aprender mais para tomar boas decisões quando chegar a hora.
Pág 169

Além dos acima citados, encontraremos outros personagens interessantes, porém, com participação discreta nesse primeiro volume da saga.
Intercalando capítulos, um com foco em Han e outro em Raissa, a escrita em terceira pessoa é rica em detalhes, porém não cansativa, deixando a história cativante e despertando aquele desejo de continuar e continuar lendo.
Não falarei muito dos acontecimentos da história para evitar spoilers indesejáveis por aqueles que lerem essa resenha. Só digo que, para aqueles que gostam de histórias que mesclam segredos do passado com presente e despertam no leitor a prazerosa mania de imaginar o que irá acontecer, essa é uma ótima opção de leitura.
Não – falou, enfim. – Não o devolva. É tarde demais. Mantenha essa coisa escondida. Guarde-o em segurança. Melhor a casa de Aerie não tê-lo.
Pág. 74

Particularmente, estou ansioso para ler os próximos volumes da saga e espero que tenham a mesma qualidade deste primeiro volume. 
Além de um belo enredo, o livro não deixa nada a desejar quanto sua estrutura. As páginas e capítulos estão muito bem organizados, o que caracteriza um ótimo trabalho realizado pela editora do mesmo. A capa é bonita, não pela imagem, que apesar de fazer parte do contesto da história não é muito atraente mas, pelo foco dado ao título e pelo destaque dado aos elementos principais da mesma, dando um brilho especial de acordo com posição que o leitor a observa.

Sem mais, desejo a todos uma boa leitura e aguardo ansioso pela leitura dos próximos volumes da saga. 



O livro foi cedido pela editora para resenha no blog.







Sobre o Autor:
Evandro
Evandro é Colaborador do blog, fascinado por Animes, tecnologia e games. Apaixonado por leitura e professor nas horas vagas. Nada criativo para terminar essa biografia e apressado para assistir e ler logo após.


10 comentários:

  1. Primeiro, olá Evandro.
    Ainda bem que gostou da obra, mesmo que não seja muito o meu tipo, entendo o porquê de ter gostado. Além do mais, narrativas intercaladas são tudo !!!


    Normalmente eu não gosto muito de livros que mexem com reis, rainhas tronos (exceto as histórias das princesas da disney), mas esse pareceu ser legal. Quem sabe um dia eu dou uma chance?

    ResponderExcluir
  2. Legal Tamiris. Ja eu me amarro nesse tipo de historia. Sabe? Essas com um mundo totalmente inventado, clãs e magia...heheh ! Se um dia ler, espero que goste.
    abrç!

    ResponderExcluir
  3. Evandro!
    Ganhei esse livro em um sorteio e estou com ele aqui, chegou hoje e como estava bem curiosa pela leitura, fiquei ainda mais com sua resenha e acho que vou passar ele na frente dos outros. Já soube que o 2º volume da série já está disponível também e se gostar desse, vou em busca logo do outro.

    Cheirinhos

    Rudy

    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Tudo bom com você??? Eu também tem visto muitas críticas positivas sobre esse livro, mas essa é a primeira resenha que me aventuro a ler...e fiquei encantada com o mundo que cerca a história. Assim como você, sou grande fã de história medieval e a cada parágrafo lido de sua resenha me senti mais envolvida com a trama.... Definitivamente vou querer ler esse livro e tê-lo a sim que eu puder... bjss e parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  5. É muito bom quando pegamos um livro que tem todos os ingredientes que gostamos, não é?!?! E o melhor é quando o autor consegue misturar bem e conduzir a trama de uma maneira que consegue prender os leitores da primeira a última página. Enfim, como também gosto de livros assim, com certeza vou tentar ler em breve.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  6. Não fã de magia medieval... mas gostei da sua resenha, fiquei interessada em ler e descobrir os mistérios dos braceletes, do destino de Raissa. Normalmente os primeiros livros das séries costumam serem os melhores, mas que venha o segundo para desmitificar. A capa não é muito atraente, mas fiquei curiosa.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  7. Também curto muito magia, personagens cativantes e mistérios, o livro parece ser ótimo, fiquei bastante interessada em ler.

    ResponderExcluir
  8. Minhas duas atuais paixões: fantasia e séries. Uma série de fantasia é o que está no topo pra mim. Eu tenho a mania de imaginar o que vai acontecer e, parece loucura, gosto quando erro, a real é que adoro ser surpreendida. Curiosa para ler essa série. Ah, achei a capa muito linda.

    ResponderExcluir
  9. Estou finalizando finalizando o segundo, ja ja posto resenha.. !! É bom também!!

    Vlw pelo comentário!!

    ResponderExcluir
  10. Galera, obrigado a tds que leram e comentaram! Desculpa não ter respondido a todos !! Corrido as coisas por aqui!!
    Abraço a tds!

    ResponderExcluir