postado por Funs Hunter em 09 julho 2015

Resenha | A Herdeira das Sombras

Trilogia das Joias Negras - Volume 2
Autora: Anne Bishop
Editora: Saída de Emergência Brasil
Páginas: 480
Skoob
Compre

Sinopse: Há 700 anos, num mundo governado por mulheres e onde os homens são meros súditos, uma profetisa viu na sua teia de sonhos e visões a chegada de uma poderosa Rainha. Jaenelle é essa Rainha. Mas mesmo a proteção dos Senhores da Guerra não impediu que os seus inimigos quase a destruíssem. Agora é necessário protegê-la até as últimas consequências.
Três homens estão dispostos a dar a vida por Jaenelle. Mas há quem seja capaz de tudo para controlar ou destruir a Rainha. Conseguirá ela cumprir seu destino como detentora do maior poder que o mundo já conheceu?



Anne Bishop sabe muito bem como manter o interesse do leitor na história. Digo isso mais pelo segundo livro, já que o primeiro eu demorei uma eternidade para concluir. Por ser uma introdução, A Filha do Sangue foi um pouco cansativo no início, mas que compensa quando você começa a pegar a ritmo e conhecer melhor os lugares onde a história se passa. A Herdeira das Sombras se mostrou instigante e repleto de reviravoltas para a jovem Jaenelle Angelline.
Com a mão pousada na cabeça de Jaenelle, Saetan fechou os olhos e fez a descida interior até o nível das Joias Negras. Devagar, com cuidado, prosseguiu até não conseguir descer mais. Foi então que soltou as palavras para o abismo, tal como fizera nas últimas três semanas.
*Você está segura, criança-feiticeira. Volte. Você está segura.*
Página 36


Jaenelle se refugiu no Reino Distorcido e Daemon precisou resgatá-la antes que sua alma se desligasse definitivamente de seu corpo. O resgate foi bem sucedido, mas as consequências serão desastrosas.
Enquanto se recupera, Saetan SaDiablo requer ao Conselho das Trevas que a tutela de Jaenelle seja passada para ele. Usando de artimanhas, ele consegue o planejado e recebe os direitos parentais até a garota completar 20 anos.
A recuperação é lenta e para despistar  Hekatah, Saetan espalha rumores de que a criança caminha junto as cildry dyathe.

Daemon SaDiablo não se recorda do que realmente aconteceu aquela noite no altar e , antes de tentar descobrir, resolve resagatar seu irmão, Lucivar Yaslana. Acreditando que o irmão matou sua rainha, Lucivar o acusa de tal ato e promete vingança. Daemon, sem entender nada e realmente achando que matou Jaenelle aquela noite, vai ao Reino Distorcido e acaba ficando preso por lá.

Entre os acontecimentos, dois anos se passam e Jaenelle finalmente reage e escapa do Reino Distorcido. Mas ela não é mais a doce Rainha que todos conheciam. O que aconteceu em Briarwood a mudou completamente. Ela terá que aprender a confiar novamente em todos que só querem o seu bem, além de enfrentar seu descontrole e as perseguições de Hekatah. Será ela capaz de aguentar todo esse sofrimento?
Com as outras garotas em volta, não havia reconhecido o triângulo de poder. Karla, Gabrielle e Jaenelle. Três Rainhas poderosas que eram, ao mesmo tempo, Viúvas Negras.
Que as Trevas sejam misericordiosas, pensou. Esse trio seria capas de despedaçar qualquer coisa ou qualquer pessoa...
Página 222

Não nego que o meu maior medo era não conseguir seguir o ritmo da história criada por Anne Bishop. Levei dois meses para conseguir terminar o primeiro livro, mas gostei tanto de como as coisas começaram a mudar que resolvi dar uma chance à trilogia. Devo dizer que foi a melhor coisa que já fiz. A Herdeira das Sombras já começa em um ritmo de leitura excelente e nos colocando a par do que aconteceu após o final do primeiro livro.
Os acontecimentos são vários e os lugares onde se passam são divididos no inicio de cada subcapítulo. É fácil se confundir com esses locais, mas de acordo que a leitura vai caminhando, o leitor se acostuma a diferenciá-los e já puxa na memória que terrítório, Rainhas e moradias ficam por lá.

O que temos de Daemon no primeiro livro, temos de Lucivar nesse segundo. A impressão que passa é que a autora centrou cada livro em um irmão, para finalmente reunir os personagens no terceiro livro. Claro que as aparições do Sádico ainda acontecem, mas não como no volume anterior. O destaque mesmo é Lucivar e sua dedicação a Jaenelle, mesmo ela não querendo ser tão "mimada" pelo Príncipe dos Senhores da Guerra.

A construção dos personagens pela autora é muito detalhada, ela consegue transmitir de forma clara o sentimento de cada um durante a leitura. Toda fúria e amor ficam claros ao leitor em pequenos atos ou diálogos.

O que achei difícil de acompanhar foi o tempo da história no segundo livro. Mesmo acordando dois anos depois, com 14 anos, a história se encerra com Jaenelle aos 20 anos. Toda essa passagem não é citada e o leitor precisa acompanhar nos diálogos dos personagens, o que é um pouco complicado.

Além dos personagens já conhecidos, a autora apresenta os parentes. Animais com a capacidade de se comunicar com os humanos, após Jaenelle ensinar como isso pode ser feito, e que também possuem Joias. As Aranhas do reino de Aracna foram citadas anteriormente, mas agora somos apresentados aos lobos, unicórnios, dragões e outros animais.

Sim! O livro supera as expectativas, se mostra uma leitura mais fluida que o anterior e te deixa fascinado com a criatividade da autora. As surpresas do final desse volume são muitas... E ela deu um jeitinho de deixar tudo ainda mais empolgante.

A edição da Saída de Emergência Brasil é linda! Seguindo o padrão do primeiro, a capa recebeu um corte e a imagem de Jaenelle está na parte de trás da orelha do livro. Os capítulos são enormes, mas divididos em subcapítulos que não torna a leitura tão cansativa. Não recomendo a leitura noite pra quem sente cansaço durante a leitura, o tamanho da fonte não ajuda muito nessa hora. Olhando para a revisão, algumas palavras está fora do lugar ou com letras faltando, mas nada que atrapalhe a leitura.

Espero que tenham a oportunidade de conhecer a trilogia. Jaenelle é muito amor!   Mesmo quando perde o controle e quase m.... Ops!



Cortesia da Editora










Sobre o Autor:
Paulo Cezar
Paulo Cezar é Administrador e Cofundador do blog, descobriu o fantástico mundo dos livros quando leu, pela primeira vez, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. Além dos livros, também é apaixonado por filmes e séries.


6 comentários:

  1. Paulo!
    Quando as personagens são bem construídas e a narração cheia de detalhes, facilita a leitura e o envolvimento.
    Parece uma série interessante e fico feliz que tenha dado continuidade, assim pode trazer para nós o decorrer dos livros.

    “Lutar pelo amor é
    bom, mas alcançá-lo sem luta é melhor.”(William Shakespeare)

    cheirinhos

    Rudy

    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    Participe no nosso Top
    Comentarista!

    ResponderExcluir
  2. Eu boiei um pouco, porque não sei muito bem do que se trata o primeiro livro. Pelo que li da resenha desse segundo livro, não é algo que me cativaria, quando disse que no primeiro o ritmo é meio lento, eu tive certeza disso. :T Mesmo que depois a leitura melhore, acho que não é um livro que leria.

    ResponderExcluir
  3. Que bom que no segundo volume a história rendeu mais. Às vezes o primeiro é mais cansativo mesmo, pois são apresentados os cenários, os personagens, enfim, a história toda. Achei que o livro tem uma riqueza de detalhes enorme, mas que atrapalha um pouco a leitura. Não sei se leria os livros dessa série. Claro que só lendo mesmo pra ter certeza, mas sinto que não iria gostar da escrita da autora, que me pareceu um pouco confusa na construção dos acontecimentos. hehe

    ResponderExcluir
  4. Na maioria das vezes o segundo livro é melhor, pois no primeiro serve mais para conhecermos os personagens. Já tenho visto falar ele esta entre os meus desejados, o enredor parece ser bom e bem genero que eu gosto

    ResponderExcluir
  5. li o primeiro livro da serie e gostei muito, consegui ficar presa na leitura do inicio ao fim, ainda nao li esse segundo livro mas quero muito.

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li o primeiro livro dessa trilogia, parece ser ótima e cada resenha que leio dos livros me deixa ainda mais interessada em conferi essa história.

    ResponderExcluir