postado por Funs Hunter em 05 novembro 2015

Resenha | Estranha Perfeição


          

Finalmente estava vivendo. Deixando a cautela de lado. 

Della Sloane tem um passado sombrio, cheio de imperfeições e está tentando se descobrir. Para isso, sai em viagem sem previsão de volta. Pelo menos era isso que acontecia até ela chegar a Rosemary Beach e ter uma noite cheia de sexo quente (e casual) com Woods. Ela vai embora, e deixa Woods pensando na melhor noite da vida dele, enquanto se programa para assumir seu lugar de direito no clube. Porém para isso ele tem que casar com Angelina, para satisfazer a vontade do pai. O problema é que o destino faz com que Della volte a Rosemary e vai trabalhar bem perto de Woods, e eles vão ter que decidir se vão lutar contra o sentimento ou se entregar a ele, e arcar com as consequências. 
Eu não sabia se as minhas lembranças acabariam desaparecendo ou se um dia iriam embora. Até lá, eu precisava viver.
Estranha Perfeição é o primeiro livro da subsérie Perfeição, sendo esta uma série que faz parte da saga "Rosemary Beach" da Abbi Glines.
Woods é um personagem que somos apresentados em Paixão sem Limites - que tem resenha dele já aqui - e agora ele tem uma história de romance só para ele. A história de Estranha Perfeição se localiza entre Tentação sem limites e Amor sem Limites, e está conectada a história de alguma maneira.


O passo a passo da história é basicamente o mesmo da série Sem Limites: Os dois tem muitos problemas, mas mesmo tudo começando de forma bem selvagem, eles acabam se apaixonando. Mas tem diversos picos de barreiras até eles se mostrarem corajosos o suficiente para enfrentar tudo e tentar ficar juntos. Isso poderia ser bem sem graça, se não contarmos com a escrita e criatividade da Abbi Glines. Os problemas das "mocinhas" da Abbi são problemas muito fortes a serem superados, e isso faz com que criemos apego as personagens. Elas são duronas, fortes e tiveram um passado trágico.
Eu serei o que ela precisa que eu seja. Eu não posso me afastar dela. Eu tentei. Eu estou viciado. E agora estou prestes a perder a cabeça, porque eu não sei como posso ajudá-la. Eu só preciso encontrá-la e abraça-la durante o resto do dia. Eu preciso saber se ela está bem.
Em Estranha perfeição, Woods que era o maior garanhão de Rosemary, e considerado o fantoche do pai, fica completamente apaixonado por Della. E mais um bonitão é fisgado! Ele que já era legal, fica muito mais legal. Motivo? As cenas de sexo. Eu conheci apenas o Woods gente boa e gentil, mas encontro nele junto com Della um rapaz faminto e selvagem. (porém, não ganha do Rush, sorry).
Della por outro lado tem características bastante parecidas com Blaire: Além do passado trágico que as assombram, as deixando fortes, duronas. Elas são carinhosas e altruístas. Sempre pensando no bem do outro. Della porém é muito sexy e sabe o que está fazendo na cama. Ela é bastante sedutora e devassa e não tem vergonha quando está com o Woods. Eles se encaixam perfeitamente. E o romance é muito interessante.


Os personagens secundários são muito instigantes, e eu odiei alguns deles como Angeline e os pais do Woods. Continuo amando a Beth e o Jimmy, eles são uns anjos na série. Eles são extremamente importantes durante a obra.
A diagramação ficou na mesma linha que a da série Sem Limites, e está impecável. Gosto das lombadas deles. #Fato
Quem gosta de romance com pegada, é ótima a leitura dessa obra. Ela é fluida e tem dois pontos de vista (os meus favoritos).








Sobre a Autora: 
Tamiris
Tamiris é blogueira do Pausa Para Um Livro e depois de fã do Fun's Hunter, veio acrescentar um toque feminino no blog favorito. Lê tudo que o Paulo indica, mas também tem uma séria paixão por romances. Quando não está lendo, está cozinhando. Então não se assuste se ver um pouco de comida nas fotos.


8 comentários:

  1. Tamires!

    Romance com pegada é comigo mesma.

    Embora me pareça que seja quase um cópia de outras tantas histórias com a mesma fórmula, gostho muitho...

    “Um bom poema é aquele que nos dá a impressão de que está lendo a gente
    ... e não a gente a ele!”(Mario Quintana)

    cheirinhos

    Rudy

    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  2. Alessandra Fernandes7 de novembro de 2015 15:59

    Tamiris, eu sou muito curiosa em ler os livros da autora por ver bastante resenhas positivas sobre eles. Parece ser livros de uma leitura rápida e fluir super bem pela escrita da Abbi, apesar de ser um dos gêneros que menos me simpatizo.
    Também gosto muito quando a história aborda os pontos de vista de cada personagem, assim podemos conhecer e entendê-los melhor. Adorei o casal, eles mostram ter uma química incrível.

    ResponderExcluir
  3. Pelo o que eu pude perceber, esse livro é bom para quem já leu Paixão Sem Limites. Assim, o leitor se sentirá mais á vontade com o personagem, sabendo que já tem o conhecimento sobre ele. Confesso que esse livro não me agradou muito. O que me chamou mais atenção nele foi a Della, pois ela aparenta ser uma personagem que tem uma evolução enorme do começo ao fim do livro. Além disso, o fato de que o livro é narrado por dois pontos de vista me agradou bastante. Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  4. Achei que neste livro houve um furo com o sumiço sem consequências de Angeline. Mas continuo gostando da escrita da autora.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Olá!!
    A cada resenha a necessidade pelo livros da Abbi ficam mais intensa e falar em intensa que casal intenso hen , nossa já ta calor aqui e imaginar as senas desse livro, nossa rsrs
    gostei muito de saber mais um pouco e mais esse livro da Abbi que pelo que vejo é uma maquina de escrever coisa boa.
    Bjocas!!

    ResponderExcluir
  6. Oie
    Não sei por que mas estou pressentindo que vou gostar mais do Woods com a Della do que o Rush e a Blaire,só pela sua resenha já me apaixonei por eles.E eu gosto desses passados a serem enfrentados e problemas acontecendo a todo momento,faz com que não consigamos largar o livro.E se eu pudesse começaria a ler essa série pelo livros dos dois mas como vai ficar tudo fora de ordem melhor dar inicio da maneira normal mesmo.

    ResponderExcluir
  7. Estranha perfeição tinha começado e abandonei. Mas conforme vou lendo suas resenhas da Abbi, vou relembrando ou não dos fatos o que me motiva a retomar a leitura. Adoro as capas, devem ficar lindas na estante todas juntinhas.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  8. acho q já disse isso (mais de uma vez até) que nunca li nada da abbi...
    assim, todas as personagens dela tem um passado sombrio? todos os relacionamentos tem q ser vai e volta, não q eu não leia algo assim... mas acho q vou com calma p não abandonar

    ResponderExcluir