postado por Funs Hunter em 14 dezembro 2015

Resenha | A Garota Inglesa


          

A morte resolve todos os problemas, pensou Gabriel. Se não há homem, não há problema.

Madeline Hart está em ascensão no governo britânico e todos acham que ela possui um futuro promissor. O que ninguém imaginava é que ela seria sequestrada, levada sem deixar pistas.
Esse sequestro pode acabar com a carreira do primeiro-ministro Jonathan Lancaster! Os dois são amantes e o preço exigido por seu resgate é exorbitante. Com um prazo curto para o pagamento, não resta escolha a não ser pedir ajuda.
O espião israelense Gabriel Allon fica encarregado de localizar e resgatar Madeline, antes que seja tarde demais!

Cortesia da Editora Arqueiro
Esse é o segundo livro que leio do autor e não me decepcionei em nenhum momento! Já havia gostado do ritmo utilizado por ele em O Caso Rembrandt e fiquei feliz em ver que este também me prendeu do início ao fim.
O motivo do sequestro é logo revelado, até a sinopse já nos diz isso, mas o que intriga mesmo são os acontecimentos de busca e resgate de Madeline. Allon resolve pedir ajuda a um antigo conhecido, o assassino de aluguel Christopher Keller.
É nesse momento que as coisas realmente começam a acontecer e te surpreender. O prazo vai se esgotando, as pistas aparecendo... Não há sinal de que Madeline Hart ainda está viva, mas as chances são grandes.
Lealdade era algo que contava muito em tempos assim, mas influência era algo bem mais eficiente.


O que gosto nos livros do Daniel Silva é a capacidade dele em surpreender. Quando tudo poderia ser resolvido, os acontecimentos seguem um novo rumo, mostrando que tudo pode não ser o que parece. Ele usa muito disso nesse livro, visto que todo o mistério por trás do sequestro vai sendo revelado e não é pouca coisa. Sim! O sequestro é parte um plano muito bem elaborado, que não colocará apenas Allon em perigo, mas todos os seus companheiros que estão o ajudando.

O livro é dividido em três partes, cada uma focando em um acontecimento em específico. A leitura flui bem (quando você está com tempo pra ler, que não foi o meu caso), e a vontade de descobrir o que realmente está por trás de tudo o que está acontecendo aumenta a cada página.

A edição está impecável, começando pela capa que já te faz imaginar um rumo diferente para o que está apresentado na sinopse. Os capítulos são curtos, o tamanho da fonte é a de costume e não encontrei erro de algum tipo durante a leitura.

A Garota Inglesa é um livro que mostra o que as pessoas são capazes de fazer em busca de alcançar o que almejam. Vale muito a pena a leitura!









Sobre o Autor:
Paulo Cezar
Paulo Cezar é Administrador e Cofundador do blog, descobriu o fantástico mundo dos livros quando leu, pela primeira vez, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban. Além dos livros, também é apaixonado por filmes e séries.


10 comentários:

  1. Alessandra Fernandes14 de dezembro de 2015 21:31

    Paulo, preciso dizer o quanto histórias como estas me chamam atenção, pois são histórias cheias de suspense, mistérios e que te prende do começo ao fim, e pude ver que esta irá me surpreender e me cativar. A forma como o autor criou os personagens e a trama, parece realmente fluir, e não posso deixar de adicioná-lo em minha lista de desejados.
    Resenha adorável!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Paulo! Eu fico em dúvida sobre a leitura de A Garota Inglesa. Estou muito envolvido em narrativas com um teor de suspense e mistérios, mas a relação com a política me deixa receoso sobre a leitura. Fora esse preconceito literatura-política, a história parece se desenvolver de uma boa forma e Daniel retrata muito bem a tensão entre o governo.

    ResponderExcluir
  3. Gostei de conhecer o livro e me interessei pela leitura ainda mais porque se passa na Inglaterra, coisa que eu gosto bastante, não li nada do autora ainda mas espero gostar desse livro.

    ResponderExcluir
  4. rudynalvacorreiasoares22 de dezembro de 2015 17:45

    Paulo!
    O tema me parece muito interessante, sequestro, amantes, políticos, agora fiquei muito curiosa por saber como acontece todo desenrolar durante o sequestro e o final do livro.
    Parece um thriller bem motivado.

    “E que não somente o Papai Noel esteja presente, mas principalmente o
    motivo pelo qual o Natal existe: JESUS!” (Tamy Henrique Reis Gomes)

    cheirinhos

    Rudy

    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    Participem do nosso Top
    Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Ainda não li nada do autor mas me surpreendi com a narrativa o livro tem vários elementos que gosto como mistério, suspense e reviravoltas durante a leitura parece que é uma leitura rápida e que nos envolve com certeza quero dar uma olhada no livro !!

    ResponderExcluir
  6. eu amo romances policiais e tenho uma listinha de autores do genero que quero ler, Daniel Silva é um deles. Eu tinha anotado pra começar pelo O Caso Rembrandt, mas cara, sua resenha me convenceu demais! hahaha Na hora que comecei a ler e apareceu que ela era amante do ministro, já fiquei QUERO. Vou começar por ele com toda ctz, esse livro parece mto foda.

    Mas eu tava vendo que os livros dele sao uma serie do Gabriel Allon e esse já é o 13o livro :( Eu sei que esses livros nao precisam ser lidos na sequencia, mas eu gosto de seguir a ordem mesmo assim; só que acho que os primeiros livros nem foram publicados no Brasil, to bem triste #cry

    ResponderExcluir
  7. A primeira vez que vi Daniel Silva,pensei que era nacional,ainda não li nada dele,ver que o autor consegue surpreender a e leitura flui,são características ótimas.
    Adoro um bom suspense,já a parte política nem tanto,mas ultimamente estou por dentro de tantas notícias internacionais,que esse é um bom momento para a leitura da Garota Inglesa.

    ResponderExcluir
  8. Quando comecei a ler a sinopse fiquei com um pé atras, pois achei que o livro focava na política, mas ao longo da sua resenha percebi que não, é mais suspense, ação e mistério... aí sim. Não conheço o autor, acho que A garota inglesa pode ser um belo começo para conhecer a escrita do Daniel. Bela resenha.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  9. Romances policiais, adorei, tenho certeza que vou amar esse livro, apesar de não conhecer o autor!! Mas amo livros que surpreendem e igual você disse, esse autor surpreende!!

    ResponderExcluir
  10. O que eu queria está aqui, uma trama com muita investigação, tema policial e discórdia. Eu não tinha me interessado em A Garota Inglesa a primeira vez, mas a resenha explicou tudo de uma forma clara e um gênero que gosto muito sobressaiu na trama: o policial. A possibilidade da garota de destruir o governo é incrível também.

    ResponderExcluir