postado por Jorge Henrique Vieira Santos em 23 janeiro 2017

Resenha | Um Motim no Tempo [Infinity Ring #01]


                            


A saga Infinity Ring, publicada aqui no Brasil pela editora Seguinte (selo da Cia. das Letras), tem como tema principal a viagem no tempo, e cada livro da série é escrito por um autor diferente, começamos com James Dashner (Um Motim no Tempo), Carrie Ryan (Dividir e Conquistar), Lisa McMann (O Alçapão), nos três primeiros volumes. Eu já li o primeiro e vou contar o que achei aqui.

 O livro vai nos mostrar a história de Dak e Sera, dois melhores amigos muito inteligentes, que acidentalmente descobrem o Anel do Infinito, dispositivo usado para a viagem no tempo. E depois disso, tudo vai sendo desencadeado, Os guardiões da História, as Grandes Fraturas e muitos outros segredos, não vou falar mais para não estragar a experiência de vocês na leitura. 

Com esse anel, os dois vão viajar no tempo até a Espanha de 1492, para salvar Cristóvão Colombo, isso mesmo, o descobridor da América. E é claro que isso não vai ser fácil, e como já sabemos sobre viagem no tempo, se mudamos algo no passado, sérias consequências no futuro vão acontecer.

A premissa do livro, e de toda a série Infinity Ring, é muito boa, eu fiquei muito ansioso para começar a ler, só que quando o fiz não foi tudo aquilo que eu imaginava. Como eu falei, o plot é bom, porém não é bem trabalhado neste primeiro volume, eu senti que a trama não estava me prendendo em momento algum, apesar de ter várias cenas de ação e tudo mais, faltou um aprofundamento, talvez, algo que realmente me prendesse à leitura.

Outra coisa que me fez querer ler este livro, é o fato de ele ser escrito por James Dashner, o escritor da famosa série Maze Runner, que eu já li e amei, porém é como se não fosse o mesmo autor que escreveu Um Motim no Tempo. Mas até que o livro é gostosinho de ler, a leitura é rápida e não exige muito do leitor. Eu quero sim, continuar a série, principalmente por causa de cada volume ser contato por um autor diferente e há esperanças de que nos próximos, a série melhore.











Sobre o Autor:
Jorge
Jorge é Colaborador do blog, ama o Universo dos livros, das séries de TV, dos filmes e da Matemática, seus autores preferidos são Cassandra Clare, J.K. Rowling e David Levithan, seu maior sonho é ter uma enorme biblioteca em seu próprio quarto, mas por enquanto se contenta com o que tem. 
 


2 comentários:

  1. Jorge!
    O tema viagem no tempo sempre me atrai e claro que o autor é outro indicativo de que o livro deve ser bom, mesmo com as ressalvas que fez.
    O que achei interessante na série é que cada livro é escrito por um escritor diferente, o que deve trazer o tema abordado de várias formas.
    Semaninha De muita luz e paz!
    “Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância.” (Sócrates)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Tenho um probleminha com viagens no tempo... Não gostei do tema até hj nos livros e filmes que assisti. Ser escrito por autores diferentes é algo que acho muito legal, mas não parece ter funcionado bem nesse livro. Acho que não leria

    ResponderExcluir